Blog

Conheça os tipos de paletes apropriados para cada operação

01 de julho de 2019
O esquema de paletização é considerado por engenheiros e operadores o mais eficiente para os sistemas de armazenagem, garantindo praticidade e segurança para as mais diversas aplicações.
O esquema de paletização é considerado por engenheiros e operadores o mais eficiente para os sistemas de armazenagem, garantindo praticidade e segurança para as mais diversas aplicações. Consolidado nas operações em depósitos, almoxarifados e portos, o sistema otimiza a logística, desde que aplicado de forma correta de acordo com cada demanda. Neste artigo, vamos conhecer os diferentes tipos de paletes (ou pallets, em inglês).
 
O palete é um estrado ou plataforma produzida em madeira, plástico ou metal com a finalidade de organizar o armazenamento de produtos e facilitar seu deslocamento e transporte. No Brasil, o mercado utiliza-se de um palete padrão, conhecido como palete PBR, cujas características principais são regidas pela norma NBR9192 - Paletes de Madeira, lançada em 2010. 
 
Deste palete fabricado em madeira surgiram outras variantes, como os paletes plásticos e os paletes de aço (metálicos). Entre esses algumas características são compartilhadas, como as dimensões (1000 x 1200mm) e a forma de uso nas estruturas. Os paletes de madeira são os mais comuns, por sua facilidade de fabricação e resistência. Já os plásticos e metálicos ocupam nichos mais específicos.
 
Paletes de madeira
As operações mais comuns de organização de itens/caixas sobre um palete, a armazenagem dos mesmos sobre uma estrutura Porta Palete e o transporte de um local a outro são geralmente feitas com paletes de madeira. Fabricados em madeira de eucalipto ou pinus, esses paletes são facilmente encontrados em fábricas e distribuidores em praticamente qualquer centro urbano.
 
Paletes plásticos
Os paletes plásticos são muito comuns na indústria alimentícia, por permitirem ser lavados e desinfectados com mais facilidade. Estas mesmas características permitem sua utilização em indústrias onde a matéria-prima necessita de um grau elevado de pureza.
 
Paletes metálicos
Já os paletes metálicos permitem muita versatilidade de utilização, pela resistência superior e facilidade de ser fabricado em formatos especiais. Muito comum é a sua utilização com acessórios como laterais e suportes para apoio da carga.
 
Palete descartável
Há ainda o palete descartável, também conhecido como Palete One Way, menos resistente que os paletes tradicionais, mas suficiente para o envio dos produtos sem retorno ou reutilização posterior do palete. Este tipo de operação inclui o custo do palete, mais barato que os tradicionais, no custo do produto, e dispensa o frete de retorno dos paletes, conhecido como Logística Reversa.
 
Mercado de paletes
As operações de distribuição e armazenagem de praticamente 100% dos supermercados no Brasil ocorrem através do uso de paletes, assim como diversas outras indústrias. Desta forma, o mercado de paletes encontra alta demanda por paletes de todos os tipos. O padrão de palete de 1200 x 1000mm, utilizado no Brasil, é amplamente difundido a nível mundial, sendo inclusive indicado pelo Conselho Econômico e Social da Organização das Nações Unidas (ONU). Na Europa é também muito comum o uso Europallet, com 800 x 1200mm.
Voltar